fbpx

UniSant'Anna

Alunos de Geografia realizam trabalho de campo no Vale do Paraíba

Alunos de Geografia realizam trabalho de campo no Vale do Paraíba

Os alunos do curso de Geografia do UniSant’Anna realizaram em 9 e 10.06.2018 o trabalho de campo “Vale do Paraíba e planaltos e serras da Mantiqueira: dinâmicas geográficas e potencialidades de conservação”, especificamente referente às Unidades Curriculares de Clima e Recursos Hídricos, Geomorfologia e Geodiversidades, Pesquisa Geográfica e Técnicas de Campo e Laboratório e Avaliação de Impactos e Recuperação Ambiental, em parceria com o curso de Pedagogia e Fundação Florestal do Estado de São Paulo.

“O objetivo das atividades de campo é promover o contato com o meio em que os alunos vivem,  na execução de trabalhos no município de São Paulo e região, com o compromisso de apresentar a eles a teoria e a práxis”, informa o coordenador do curso, Prof. Jonatas Januário Silva.

No primeiro dia os alunos observaram aspectos da bacia sedimentar de São Paulo e a produção do espaço urbano nas metrópoles. As discussões foram pautadas nas relações existentes entre o espraiamento da mancha urbana, o ordenamento territorial e a disponibilidade e produção da água, este último item tem sido um ponto de conflito, pelas transferências de águas entre as bacias hidrográficas. Foram feitas paradas em diversos pontos de observação do rio Paraíba do Sul, inclusive nas cidades de Guararema/SP e Taubaté/SP.

O último dia de campo foi contemplado com atividades e observações monitoradas também por funcionários da Fundação Florestal, no Parque Estadual Campos do Jordão, localizado no município de Campos do Jordão, considerado o parque estadual mais visitado no Estado de São Paulo. Realizou-se a trilha do rio Sapucaí, com reflexões sobre as araucárias, da preservação, dos recursos hídricos e dos campos de altitude, além da importância deste parque estadual para a cidade e para a região.

Com o desenvolvimento do trabalho de campo os alunos compreenderam na realidade e na vivência conceitos importantes estudados em sala de aula, tais como: proteção, preservação, conservação, unidades de conservação, relevo e bacia hidrográfica.

“Com o trabalho de campo aprendi sobre diversos temas estudados na sala de aula e como sou formada e atuo na área da Pedagogia, com educação infantil, essas atividades sempre contribuem para uma nova visão de mundo e compreensão da relação entre a sociedade e a natureza”, considera a aluna Viviane Amaro do curso de bacharelado em Geografia. “Os trabalhos de campo são essenciais para nossa formação, uma vez que podemos ver na prática o que os professores ensinam em sala de aula. Ao visitar o Parque Estadual de Campos do Jordão, compreendemos melhor sobre as araucárias, saber que elas foram e são muito importantes para toda a região, tanto para a natureza quanto para o homem”, destaca o aluno Marcelo Barros, também do bacharelado em Geografia.

Fechar Menu