[Ago/20] Curso de enfermagem: superior ou técnico? Saiba agora!

[Ago/20] Curso de enfermagem: superior ou técnico? Saiba agora!

  • Post category:Saúde

Está pensando em dar continuidade aos estudos? Para quem escolheu a área da saúde, o curso de Enfermagem é uma opção excelente, com uma gama de áreas de atuação, boas oportunidades de emprego e remunerações. Neste artigo, vamos abordar mais detalhes para que você entenda se essa é realmente uma opção que vale a pena para seu perfil.

Para responder essa questão, é importante saber qual é a diferença entre o curso de enfermagem de nível superior e o curso técnico. Vamos explicar logo abaixo, além de outras questões que devem ser consideradas. Confira e tire suas dúvidas!

Quais são as diferenças entre curso de enfermagem superior e técnico?

Ambos os cursos exigem pessoas comprometidas com a vontade de cuidar de vidas e de desenvolver habilidades para garantir a manutenção e o desenvolvimento de estados de saúde dos pacientes.

Quando olhamos para as diferenças entre os dois cursos, podemos resumi-las nos seguintes pontos: requisito para entrada, duração do curso, formação teórica e média salarial. Entenda um pouco sobre cada modalidade a seguir.

Requisito para entrada

Para entrar em qualquer curso de nível superior, o estudante deve ter terminado o ensino médio. Mas o mesmo requisito para entrada não existe em cursos de nível técnico. Para fazer o técnico de enfermagem, o estudante deve estar, pelo menos, no 2° ano do ensino médio e já ter completado 16 anos de idade.

Duração do curso

A graduação em enfermagem é um curso de nível superior. Tem a duração média de 5 anos, período no qual os estudantes têm contato com uma série de técnicas e ambientes para que possam compreender a realidade da sua profissão.

Já o curso técnico de enfermagem tem uma duração média de 2 anos, período no qual os estudantes passam por semestres mais curtos, em relação à graduação em enfermagem, mas com disciplinas voltadas para a atuação prática no dia a dia da profissão.

Formação teórica

Por ser uma graduação, o curso de enfermagem de nível superior permite uma abordagem mais ampla das questões que envolvem a profissão de enfermeiro. Isso reflete em uma diferença considerável no número de disciplinas ofertadas em cada curso.

A formação teórica é muito mais reduzida dentro do curso técnico, abordada como pano de fundo para as questões mais imediatas do profissional no campo de atuação, como ações de cunho curativo e fundamentos de ambientes especializados. É uma opção mais útil para quem deseja se inserir de maneira mais rápida no mercado de trabalho.

Média salarial

Outra diferença importante está na média salarial recebida por quem passou por um curso técnico e de nível superior em enfermagem. A média salarial de um enfermeiro técnico está em torno de R$ 2.200,00. Já a média de um enfermeiro graduado está em torno de R$ 4.500,00. Estes valores podem variar de acordo com o Estado.

Quais são as áreas de atuação do curso técnico e superior?

Outra grande diferença entre o curso de enfermagem de nível superior e o técnico são as áreas de atuação. Isso porque, apesar de a formação profissional ser bastante semelhante, são exigidas habilidades um pouco diferentes desses profissionais no mercado de trabalho.

No caso do enfermeiro graduado, os seus principais locais de trabalho são ambulatórios e clínicas, centros de pesquisa e ensino (cursos de nível médio, técnico ou superior) e administração hospitalar. Os graduados ainda podem entrar em cursos de pós-graduação para se qualificar.

No caso dos enfermeiros técnicos, os seus principais locais de trabalho são clínicas e ambulatórios, casas de repouso, abrigos, unidades básicas de saúde, creches e instituições de ressocialização. Os técnicos ainda podem ajudar os enfermeiros no planejamento e orientação das tarefas relacionadas com a assistência aos pacientes.

Quais são os diferenciais do curso de enfermagem no UniSant’Anna?

Procurar uma boa instituição de ensino também é um fator crucial para garantir todos os benefícios de entrar no curso de enfermagem. Para quem quer investir na formação de nível superior, saiba que o Centro Universitário Sant’Anna se destaca no oferecimento de cursos da área de saúde, inclusive o curso de enfermagem.

A seguir, ressaltamos alguns diferenciais aproveitados por quem escolhe o UniSant’Anna para entrar no mercado de trabalho em enfermagem. Confira!

Acessibilidade financeira

Sempre levem em consideração a acessibilidade de uma instituição de ensino do ponto de vista financeiro. Nesse sentido, veja quais são as possibilidades oferecidas para garantir que os alunos consigam dar continuidade aos seus estudos. Isso reflete a cultura da instituição e reafirma sua posição dentro da sociedade.

No UniSant’Anna, são oferecidas formas variadas de pagamento para que os alunos tenham facilidades no financiamento de seus estudos. Além disso, parte dos estudantes pode concorrer a bolsas de financiamento estudantil que podem chegar a 90% do valor das mensalidades.

Vantagens

O curso de enfermagem do UniSant’Anna é oferecido na modalidade presencial. 

O grande diferencial do curso é a parceria e a inclusão dos alunos às aulas práticas desde o início da graduação. O curso de enfermagem de nível superior e técnico oferece uma abordagem ampla ao profissional, o que influencia na possibilidade de crescer na carreira e ganhar melhores salários. 

Independentemente da escolha, é importante prezar por uma instituição de ensino que garanta o suporte necessário durante os anos de estudo. Por isso, o UniSant’Anna, em parceria com outras instituições de ensino, promove o acesso à prática de ensino, diretamente em Hospitais próprios e clínicas parceiras. 

Já conhecia o Centro Universitário Sant’Anna? São 90 anos de tradição oferecendo cursos de nível superior capazes de formar cidadãos éticos, com visão de mundo humanizada e prontos para as principais demandas do nosso tempo!

Para outros detalhes do curso de enfermagem do UniSant’Anna, acesse nosso site e saiba mais ou conheça mais cursos nas Instituições parceiras