Por que o Google for Education é responsável  por promover a inovação global nas salas de aula?

Por que o Google for Education é responsável por promover a inovação global nas salas de aula?

  • Post category:UniNotícias

O Google For Education é um conjunto de ferramentas direcionadas às instituições de ensino para que professores e alunos aprendam juntos e, de forma colaborativa, extrapolem sua criatividade com uso da tecnologia dentro das salas de aula.

A plataforma funciona por meio do G Suíte, um conjunto de aplicativos do Google, que proporciona aos acadêmicos funcionalidades como comunicação em tempo real, organização, segurança, ambiente de sala de aula e tarefas compartilhadas. Tudo isso pode ser acessado através de qualquer dispositivo conectado à internet.

Colaboração é a palavra-chave desse conceito, pois possibilita aos estudantes e professores realizarem toda a rotina acadêmica, como produção de textos, trabalhos em grupo, provas, reuniões em tempo real e simultâneo, mesmo que estejam em espaços físicos distintos. Tudo isso de forma gratuita!

O tema de digitalização do ensino alinhado às atividades pedagógicas inovadoras é onde realmente os pais e alunos tangibilizam o valor da instituição de ensino que propõe o uso da tecnologia em sala de aula. No caso da instituição de ensino parceira do Google for Education, a mesma internaliza (em sua essência) uma metodologia desenvolvida pelo Google, empresa de referência mundial quando o assunto é inovação e tecnologia, que tem como lema organizar as informações do mundo para que sejam universalmente acessíveis e úteis para todos, o que agrega reputação a sua marca e assegura sustentabilidade institucional.

Confira as vantagens da migração para o conceito educacional Google for Education e entenda porque é um conceito único de ensino

Disponibilidade de acesso: todo o material desenvolvido fica armazenado na própria plataforma e, com um clique, os alunos e professores podem acessar todo o conteúdo programático das aulas através do aplicativo Google Drive;

Interatividade: os aplicativos foram criados para trabalhar de forma mais participativa e colaborativa por permitirem alterações e edições em tempo real, proporcionando o caráter colaborativo às atividades, como é o caso dos aplicativos Google Documentos, Google Apresentações e Google Planilha;

Organização: a vida acadêmica é pontuada por prazos e datas, desta forma é necessário que todas essas informações fiquem armazenadas em um local de fácil consulta. Através do Google Agenda os professores e alunos poderão ter conhecimento de todos os compromissos;

Sala de Aula Virtual: o aplicativo Google Sala de Aula disponibiliza aos professores um painel onde pode ser visto tudo o que os alunos estão produzindo, além do controle de provas e trabalhos. Isso pode ser organizado por turmas e matérias;

Comunicação: ao acessarem o Google Meet, alunos e professores podem se comunicar virtualmente em tempo real por meio de videochamadas que ficam armazenadas de forma segura, permitindo interação acadêmica, além do espaço físico da sala de aula.

Um ponto de destaque desses aplicativos é que eles podem ser integrados facilmente a variados tipos de extensões que proporcionam maiores funcionalidades ao G Suíte, estimulando a criatividade de professores e alunos, e assim, tornam o ensino ainda mais personalizado. As possibilidades são infinitas!

Conforme informações do próprio Google, mais de 80 milhões de professores e estudantes no mundo estão utilizando a plataforma Google for Education e mais de 40 milhões de alunos e professores estão utilizando o Google Sala de Aula. Não é só uma tendência, é uma prática que chegou para ficar se tornando um padrão para os educadores que não poupam esforços para garantir uma formação adequada às necessidades atuais de nossa sociedade.

Autor: Venceslau Legat. Coordenador do Núcleo de Inovação e Aprendizagem do Grupo Soebrás.